sábado, 31 de maio de 2014

OPORTUNIDADE DE MILHÕES EM LICITAÇÕES

22052014 - 0863Quando fui dormir o relógio já marcava uma da madruga do dia 22 de maio, nada mais normal, tirando o fato que ás 4 estava chegando na praça da igreja. Ás 4:10 partimos para Juazeiro do Norte em uma Topique com mais oito pessoas, entre elas a organizadora da viajem, Elisângela, coordenadora do Sebrae em Piquet Carneiro. O destino, Escritório do Sebrae, que realizou uma serie de palestras sobre vendas e compras do setor público.

A idéia é muito simples, colocar o pequeno empresário na rota das compras governamentais, ensinando os tramites legais e principalmente, o complicado processo licitatório.

Chegamos p  ouco depois das 8 da manhã, ainda esperamos um tempo para começar o evento. Estava começando a primeira palestra quando mais um representante de Piquet Carneiro chegava, que claramente era um dos municípios com a maior delegação. Achei que o empresário Antônio Carlos estava presente para dar uma das palestras, mas me enganei, segundo ele "sempre é possível aprender mais alguma coisa", mas acredito que também tinha a intenção de criar contatos, o ambiente era propício ao exercício do networking. Antônio Carlos é sócio da ASPEC, empresa que fornece softwares para prefeituras, justamente nessa área administrativa e seu conhecimento maior é na legislação.

O prefeito de Araripe, Germano Correia, falou sobre as oportunidades de se aproveitar o sistema de Micro Empreendedor Individual (MEI) nas contratações do município. O prefeito deu exemplo dos servidores que cuidavam das praças e por vezes não apresentavam um bom trabalho, fazendo "corpo molhe". Com a folha de pagamento bem acima do aceitável, o prefeito resolveu contratar pessoas como MEI e fez uma licitação para cada praça, diminuindo os encargos trabalhistas pagos pela prefeitura, e de quebra diminuiu a folha de pagamento.

Em outro momento foi a vez do Tribunal de Contas do Estado do Ceará, que acabou sendo uma palestra enfadonha sobre as atribuições do TCM, a entidade apoio a realização do evento.

22052014 - 0871No período da tarde participamos de uma simulação de um Pregão Presencial, uma das formas de se realizar uma licitação. Em resumo é um leilão de quem vende mais barato o produto licitado pelo órgão governamental. O maior entrave está na papelada necessária para participar de uma licitação, que pode ter em seu edital todo tipo de exigências, ás vezes no intuito de favorecer uma determinada empresa. Aprender sobre esses detalhes era o maior interesse da maioria dos empresários, que viajaram mais de 230Km de Piquet Carneiro até Juazeiro, Francisco Moveis, Rivonaldo, presidente da associação dos feirantes, Roberlania, administradora da Pousada Sombra das Palmeiras e Damasceno, que além de radialista também é dono de papelaria.

Na volta para casa alguns de nós fomos de carona,  dirigindo, Antônio Carlos tirou um monte de dúvidas sobre o tema licitação, uma verdadeira aula de leis e normas que circundam o tema. Damasceno Marques relatou durante a viajem que só na quarta tentativa, conseguiu participar de fato de um pregão presencial, justamente por causa da burocracia envolvida.

São milhões de reais na região a disposição de empresários com um pouco mais de coragem de tentar algo novo. Por enquanto estamos só arranhando nesse dinheiro. Depois dessa viajem fiquei com a impressão de que, com um pouco de boa vontade e disposição dos empresários de Piquet Carneiro, podemos desenvolver um grupo colaborativo, principalmente na troca de informações, sem o individualismo, tão recorrente no meio empresarial. Onde quem sabe em um futuro próximo possamos estar nadando nessa grana, ao estilo Tio Patinhas.

Por Denison Vieira

Nenhum comentário :

Postar um comentário

"O sucesso normalmente contempla aqueles que estão ocupados demais para procurar por ele"