terça-feira, 6 de maio de 2014

CÂMARA APROVA REAJUSTE E BONIFICAÇÃO AOS PROFESSORES

DSC_0358No dia 2 de maio, a Câmara Municipal de Piquet Carneiro votou dois projetos de lei de interesse dos professores do município. O reajuste do piso salarial que seguiu  a porcentagem dada a nível federal de 8,32%. O outro projeto diz respeito a uma premiação com base nos resultados das avaliações externas. A secretária de Educação e Cultura, Wioneide Isidorio esteve na sessão para esclarecer o conteúdo dos dois projetos. O prefeito Expedito passou rapidamente pela reunião.

Wioneide explicou que o aumento seria maior, mas os municípios não teriam condições de pagar sem ajuda do Governo Federal, então chegaram a esse valor. Parece que o governo seguiu, nesse ano, a lógica de fazer o ajuste baseado nos números da economia, em uma soma da inflação de 2013, que foi de 5,91%, mais 2,3% de crescimento econômico, que somados chegam a 8,21%. Valor bem próximo aos 8,32%. O aumento em Piquet Carneiro vai ser somente para os professores concursados.

DSC_0372Enquanto a bonificação de 600 reais vai funcionar da seguinte forma, os professores do município passaram pelas avaliações externas, como o SPAECE e se obtiver um aumento de 15% da última média, o prêmio está garantido. Os concursados e contratados terão direito ao bônus, que começa a ser pago ano que vem. A lei vale só para 2014, sendo que os resultados só saem em 2015. DSC_0398Wioneide afirmou que a lei pode continuar, sendo revista e atualizada ano que vem, dependendo dos resultados. Três professores acompanharam a aprovação dos projetos.

Os vereadores fizeram questão de parabenizar a secretária e fazer algumas perguntas. O vereador Valwires aproveitou o momento para anunciar o projeto de notebooks para os professores (concursados). O projeto já está no Plano de Ações Articuladas (PAR) do Ministério da Educação e deve ser no valor de 100 mil reais, conseguidos através do Dep. Federal Ariosto Holanda.

Outro tema discutido durante a sessão foi as condições de salário da Saúde de Piquet Carneiro. Duas Profissionais da saúde pediram aos vereadores que intercedessem na questao salarial da categoria. Os vereadores devem se reunir com a Secretária de Saúde, Valéria Franco e convidaram as profissionais a comparecerem na próxima sessão, para o resultado da reunião. O vereador Bebeto cobrou do Sindicato dos Servidores Públicos o debate do tema, enquanto o vereador Dinômedes disse, que falta uma organização da categoria na hora de cobrar.

A vereadora Keilhiane apresentou um projeto de lei que concede o título de Cidadão Honorário a três mulheres que tem ligação com a Escola Marechal Castelo Branco, a Professora Joana de Sousa Ferreira (Jarlene); a Professora Ana Maria Barbosa Passos que é diretora da escola e a Professora Maria Emília Serafim Rodrigues.

DSC_0402Mais um projeto foi votado e aprovado, A Lei de Educação Ambiental. Edinardo, que trabalha na Secretaria de Meio Ambiente, e é responsável pelas exigências do Selo Verde, falou aos vereadores na sessão. Segundo Edinardo já é feito um trabalho ambiental dentro das escolas, mas o município deixa de pontuar, se não tiver uma lei regulando o tema.

Perto de finalizar a reunião, os vereadores entraram em um debate sobre desvalorização dos vereadores. Segundo os vereadores existe uma certa discriminação, principalmente pelos secretários. A sessão terminou logo depois do desabafo.

Por Denison Vieira 

 

 

Nenhum comentário :

Postar um comentário

"O sucesso normalmente contempla aqueles que estão ocupados demais para procurar por ele"