quinta-feira, 10 de outubro de 2013

Aluna do Marechal ganha prêmio por redação

283207_269486703186671_886185242_nFoi através do III Concurso Nacional de Redações - Prêmio Ministro Plácido Castelo (IPC), promovido pelo Instituto Plácido Castelo, órgão de educação corporativa do Tribunal de Contas do Estado do Ceará, que a aluna Eliane Clares Barbosa vai ser premiada com R$ 2.500,00 na cerimônia prevista para o dia 21/outubro, às 16horas, no Plenário do TCE/CE.
Confira a redação de Eliane:

A Educação Ambiental para a Vida em Sociedade

A educação ambiental é uma forma de fazer com que nós, na condição de cidadãos, coloquemos a mão na consciência, para rever nossos atos em relação ao meio ambiente, esperando assim, que após essa autoavaliação o indivíduo possa adotar uma postura ética na convivência com o meio. Embora ela seja um processo novo no Brasil, proposta em 1999, vem e deve ser trabalhada constantemente, principalmente na escola. Entretanto, não está descartado o seu trabalho nas demais dimensões sociais.

Essa conscientização começa em casa, a partir do momento em que o pai ou a mãe ensina ao filho a jogar o lixo no lixo. Ela busca despertar a preocupação individual e coletiva das pessoas para a questão ambiental, fazendo com que estas se deem conta de que nós somos os principais agressores da natureza, e que somos seus possíveis salvadores. Na procura de estabelecer uma relação ética entre natureza, homens e suas necessidades, busca-se despertar atitudes corretas e pensadas, como o resgate de valores e conceitos, que foram se moldando e se perdendo ao longo do tempo. Contudo, para que isso aconteça deve-se antes de tudo buscar o conhecimento de onde se vive, da realidade global, para então realizar uma reflexão sobre as mazelas ambientais. Também, é um meio para amenizar as catástrofes já existentes. Implantando-a no âmbito escolar, a disseminação dessa idéia será mais eficaz. Portanto, o seu desenvolvimento apresentará maiores resultados a partir do momento em que buscar envolver toda a sociedade.

O homem, por natureza, deseja sempre mais do que necessita. Então, que a ganância e o egoísmo sejam colocados de lado e que sejam postas em prática as medidas de preservação que soam tão belas em nossas bocas, mas que dificilmente são realizadas. A educação ambiental não foi uma simples proposta, foi um meio para a sustentabilidade do planeta, para a integração do homem com a natureza e melhora da vida em sociedade. Essa conscientização é o primeiro passo que deve ser dado, para podermos continuar adiante e fazer com que a frase “Mudar o mundo” deixe de ser apenas mais uma utopia.

Eliane Clares Barbosa

Nenhum comentário :

Postar um comentário

"O sucesso normalmente contempla aqueles que estão ocupados demais para procurar por ele"