sexta-feira, 5 de abril de 2013

“Se você ofertar hoje… eu oro pra você desencalhar”

Essa frase foi proferida pelo pastor e Deputado Federal Masco Feliciano, aos 6m56s (clique para assistir) em um vídeo recheado de pérolas de um “servo de Deus” em busca do dinheiro. O fato de um pastor pedir dinheiro, mesmo que de forma exagerada, não seria problema, mas Feliciano, ao se apresentar como presidente da Comissão de Direitos Humanos e minorias, encontrou muita resistência de grupos ligados as minorias.

Marco Feliciano não seria pastor de nenhuma igreja que frequentei, quando ainda era evangélico, por vezes vejo pessoas como ele, o pastor Silas Malafaia, falando em nome dos evangélicos. A verdade é que da mesma forma que existem várias igrejas evangélicas, também existem muitas vertentes de pensamento e não ha essa pessoa que possa dizer que detém o direito de falar pelo evangélico. Só esse vídeo já deixaria claro seu caráter antiético de pressionar as pessoas a darem sua oferta a todo custo.

Infelizmente o deputado não para por aí, em um twitter ele disse a seguinte frase:"Africanos descendem de ancestral amaldiçoado por Noé. Isso é fato. O motivo da maldição é polêmica. Não sejam irresponsáveis twitters rsss", logo depois a mensagem foi apagada. Em entrevista ao Danilo Gentili no programa Agora é Tarde o pastor tentou explicar a frase, afirmando que não passava de uma teoria de alguns estudiosos, mas a frase diz “Isso é um fato”, acabou não conseguindo se explicar.

O pastor Marco Feliciano teve uma votação de mais de 200 mil votos e isso mostra uma doença no Brasil. Como um cidadão que doutrináriamente é negado pelos próprios cristãos vira representante dessa classe. Falta mais debate nas igrejas e menos malucos na câmara.

Confira o vídeo na íntegra:

Um comentário :

"O sucesso normalmente contempla aqueles que estão ocupados demais para procurar por ele"